Pintura Arq. Eduardo Moreira Santos, Lx (28.08.1904 - 23.04.1992)

sexta-feira, 1 de junho de 2018

Macau - David Chow pretende alargar negócios a minérios e agricultura em Angola e Timor-Leste

O administrador da Macau Legend Development, David Chow, disse estar aberto a todo o tipo de negócios em países de língua oficial portuguesa e manifestou interesse em arrancar para Angola e Timor-Leste. Interessam-lhe todo o tipo de sectores, dos recursos minerais à agricultura. Em Cabo Verde, a construção do hotel e casino poderá estar concluída dentro de ano e meio, adiantou o empresário

David Chow quer expandir o sector de negócios para Angola e Timor-Leste e está interessado em investir em qualquer ramo empresarial, afirmou o administrador da Macau Legend Development, à margem da Assembleia Geral Anual da empresa que gere o complexo da Doca dos Pescadores em Macau.

“Estamos abertos a todo o tipo de negócios, [no sector dos] minerais, agricultura, recursos, reciclagem, transportes”, disse o empresário aos jornalistas. “Eles só têm que me dizer em que sector necessitam mais de mim”, adicionou. David Chow manifestou desejo de integrar a iniciativa “Uma Faixa, Uma Rota” utilizando a plataforma oferecida por Macau para chegar aos países de língua portuguesa.

Cabo Verde é o país onde o empresário tem concentrado o investimento realizado em países africanos de língua portuguesa. Em Fevereiro, começou na cidade da Praia a construção da ponte que liga o ilhéu de Santa Maria ao continente e foi lançada a primeira pedra do Hotel Praia da Gamboa. O projecto está avaliado em 250 milhões de euros, cerca de 2,3 mil milhões de patacas.

“O local para a ponte de ligação ao ilhéu [de Santa Maria] já está pronto. Em Agosto deste ano vamos começar a [construção] do casino e do hotel. Penso que não é um grande projecto. O casino vai estar pronto em menos de um ano. O hotel talvez dentro de ano e meio. Portanto, mantemos a nossa promessa de três anos”, afirmou David Chow.

Em relação à criação de um banco em Cabo Verde, o Banco Sino-Atlântico, o Governo cabo-verdiano ainda está a avaliar, disse David Chow. O banco visa apoiar pequenas e médias empresas e facilitar pagamentos locais e internacionais.

Sobre o resort em Tróia, no distrito de Setúbal o empresário queixou-se de continuar à espera da aprovação das autoridades em Portugal, aconselhando os jornalistas a irem perguntar ao Governo português mais pormenores.

No ano de 2017 a empresa registou um aumento de receita em 24,8%, ou seja, cerca 1800 milhões de dólares de Hong Kong, como resultado do aumento das contribuições do Legend Palace – Hotel e Casino, em Macau, e o Savan Resorts, no Laos. Apesar deste crescimento, 2017 foi marcado pelo aumento nos custos operacionais devido à abertura do Legend Palace Hotel e Casino, os danos e perdas de receitas como resultado do tufão Hato, além de um aumento nos custos financeiros relacionados com o grupo. O empresário espera que, com a conclusão da venda do Landmark Macau, pelo valor de 4,6 mil milhões de dólares de Hong Kong, em finais de Abril, poder melhorar a liquidez do grupo, por forma a prosseguir os planos de desenvolvimento e de expansão da empresa.

David Chow continua, porém, à espera das licenças do Governo para prosseguir o projecto de expansão da Doca dos Pescadores. “Nós ainda estamos à espera da licença do Governo para o hotel primeiro”, afirmou, quando questionado sobre o ponto de situação das construções previstas para aquela área. A Macau Legend Development aceitou já uma redução de um terço na altura anteriormente proposta para o hotel que o grupo planeia construir, de 90 para 60 metros de altura.

David Chow acrescentou, ainda, que não exclui a possibilidade de concorrer a uma licença de jogo, caso as condições se reúnam de forma satisfatória. O Governo anunciou o ano passado que pretende lançar um novo concurso para a atribuição dos contratos de concessão da exploração de jogos de fortuna ou azar, que terminam entre 2020 e 2022. Para já, a empresa tem um contrato com a SJM Holdings, para a utilização da licença da concessionária de casinos de Macau. Cláudia Aranda – Macau in “Ponto Final”

Sem comentários:

Publicar um comentário